RSS

Storytelling – Exemplos de filmes / Example of tales fables

Storytelling – Exemplos de filmes

Com a grande quantidade de mídias e a infinidade de informações com que somos bombardeados todos os dias, destacar uma marca na cabeça do consumidor se tornou um grande desafio. Por este motivo, oStorytelling vem ganhando grande importância como ferramenta de comunicação.

Os filmes são uma grande fonte de inspiração para aprender os principais conceitos do Storytelling, principalmente os filmes mudos que contam histórias apenas com imagens e música.

Wall-e

A história de amor dos dois robôzinhos (Wall-e e Eva) é sem dúvida um dos clássicos da Disney.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=rfBR1846OJw

UP – Altas Aventuras

Esta animação, além de ser um grande exemplo de storytelling, também mostra a importância de buscarmos nossos sonhos…

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=UTBQYAE-pMk

Ratatoille – Qualquer pessoa pode “cozinhar”

Outro filme que acho uma das melhores metáforas para vida é o Ratatoille que mostra como um pequeno ratinho se torna um exímio cozinheiro. Quantas pessoas fazem o que as outras dizem o que é mais importante e deixam de seguir seus sonhos?

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=I9K-ehX4RqA

Charles Chaplin

Os mais jovens não conhecem, mas é sempre bom relembrar um dos maiores gênios do cinema mudo nesta coletânea de trechos dos principais filmes.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=iZEX7FEfloE

  • storytelling-250x250
 
 

Storytelling é uma ferramenta de aprendizagem que conecta conteúdo e experiência !

O poder das Histórias

Estamos acostumados desde crianças a ouvir histórias de fada, mitos e histórias pessoais de adultos. Mais do que entreter ou divertir, a narrativa ajuda a criança a ter noções de mundo, moldar seus valores como indivíduo e lembrar melhor de informações e conhecimentos.

Algumas das Vantagens do Storytelling:

  • Transmite sabedoria, experiência, informação e fatos
  • Moldam crenças e valores
  • São a base da construção do conhecimento, alicerce da memória e aprendizagem
  • Modelam o uso efetivo da linguagem
  • Geram empatia proporcionando perspectivas diferentes para ver outros tempos e mundos
  • Conectam as pessoas com os profundos aspectos da nossa humanidade
  • Unem passado, presente e futuro

A força do storytelling vem do efeito inspirador que possibilita as pessoas a interpretar as histórias com base em seu histórico de experiências…

Referências:

GIOVAGNOLI, Max _ Transmidia Storytellingi

EISNER, William _ Graphic Storytelling & Visual Narrative

Visite também: http://inovarparaeducar.com.br/inovacao/modelos-pedagogicos-inovadores/atraindo-a-atencao-dos-alunos

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 13/10/2012 in Humor, Interessante

 

Top 100 Tools for Learning – Ferramentas da web 2.0 para o ensino-aprendizagem !

100 Ferramentas da web 2.0

fonte: http://www.slideshare.net/janehart/top-100-tools-for-learning-2011?from=share_email

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 17/09/2012 in Interessante

 

Projeto “A Educação Precisa de Respostas”

Projeto “A Educação Precisa de Respostas”

Espaço do site A Educação Precisa de Respostas apresenta projetos de professores

Site mostra exemplos de educadores que superam desafios com criatividade

Ensino de física nas redes sociais, atividades criativas para a alfabetização e lições de conscientização ambiental por meio da adoção de animais. Quem acessar o site A Educação Precisa de Respostas vai encontrar esses e muitos outros exemplos de professores que superam os desafios da profissão de maneira criativa.

Os responsáveis pela formação dos estudantes têm um espaço fixo na seção Fala, professor! na internet. Uma dessas iniciativas é de uma professora que busca incentivar a inovação. Há cerca de um mês, Marlise Santos começou a alimentar o blog Tecnologia e Inovação, com indicações de aplicativos e páginas que estimulem a criatividade em sala de aula.

Com experiência no ensino das séries iniciais e passagens por escolas públicas e privadas de Porto Alegre e da Itália, Marlise acredita no valor dos profissionais da educação:

– A formação dos professores tem que ser mais focada na realidade e abordar aspectos mais práticos. O meu blog trata disso – afirma.

Se você é professor e tem boas ideias para compartilhar, acesse o site A Educação Precisa de Respostas e mande seu depoimento.

http://www.clicrbs.com.br/especial/rs/precisamosderespostas/19,1430,3884383,Espaco-na-web-apresenta-projetos-de-professores.html

O Projeto

A bandeira institucional A Educação Precisa de Respostas é uma grande campanha de mobilização da sociedade, liderada pelo Grupo RBS, para estimular o debate e a busca de soluções que elevem a qualidade daEducação Básica no país e, em especial, no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Realizada em parceria com a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS), marca a decisão da RBS de colocar a Educação no foco de seu investimento social, reforçando seu compromisso histórico com o desenvolvimento sustentado das comunidades em que está presente.

A Campanha

Sob o conceito “A educação precisa de respostas”, a nova campanha institucional do Grupo RBS tem o objetivo de provocar o tema EDUCAÇÃO, conscientizar os públicos e ir em busca de respostas, estimulando a ação individual e coletiva. Peças de TV, rádio, jornal e internet estão calcadas em seis perguntas provocadoras elaboradas por uma equipe multidisciplinar a partir das metas da entidade Todos pela Educação.

Os Compromissos do Grupo RBS com a Educação

Educação Precisa de Respostas é um convite do Grupo RBS para, juntos, encontrarmos soluções que garantam a todos os jovens brasileiros uma educação de qualidade. Para isso, a RBS também se compromete publicamente a colocar em prática seus compromissos.

Bandeiras Institucionais do Grupo RBS

As bandeiras institucionais são uma tradição do Grupo RBS e uma de suas mais importantes iniciativas de investimento social. Sem fins lucrativos ou objetivos comerciais de qualquer natureza, são grandes campanhas de mobilização com ações institucionais, publicitárias e editoriais, que englobam toda a plataforma multimídia do grupo, assim como seus mais de seis mil colaboradores.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 15/09/2012 in Interessante

 

Glogster Edu

Glogster Edu.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 15/09/2012 in Interessante

 

Mídia na Educação- Veja as dicas de mais de 60 livros, manuais e cartilhas sobre cultura digital, mídias e educação disponíveis on-line

 

 

http://blog.midiaseducacao.com/2012/03/mais-de-60-livros-sobre-cultura-digital.html#.UDwR-Wdx-Tc.facebook

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 28/08/2012 in Interessante

 

O MEC MUDOU OS MÓVEIS… MAS NÃO A CASA…

Texto do Prof.   Figueroa  em 16 de agosto de 2012

Mais uma vez o MEC me surpreende… de acordo a este artigo da Folha de São Paulo o MEC vai propor a fusão de disciplinas do ensino médio visando adaptar o ensino para a era atual!!!!! Mas antes de falar nisso queria colocar a base para meus argumentos.

Cada tipo de ambiente requer seu tipo de estrutura adaptada para a sobrevivência do ser humano. Na Antártica as residências são os iglus , perfeitamente adaptados para um ambiente gélido. No deserto temos as tendas, perfeitamente adaptadas para altas temperaturas diurnas e baixas temperaturas noturnas. No Japão as estruturas são preparadas para resistir a terremotos sem desmoronar…. Da mesma forma, cada era ou período da humanidade teve todas as suas estruturas(políticas, sociais, econômicas, educacionais, etc) adaptadas para a sobrevivência.  Todas estas estruturas, sejam físicas ou sociais vão se modificando a medida que os tempos vão mudando…. exceto o nosso modelo educacional.

A impressão que tenho é que nosso modelo educacional é um iglu colocado no meio de um deserto, onde as temperaturas são muito altas…. o resultado disto, é iminente ruína, tanto da estrutura quanto de quem vive nela.  E a medida que isto vai acontecendo, fica visível para todos, que o iglu está derretendo, que é uma questão de tempo para sua total queda. Podemos ter várias atitudes frente a este panorama…

  1. Negar o problema:  Falar que está tudo bem, que nada esta acontecendo e continuar  levando nossa vida
  2. Tentar reforçar a estrutura:  Começar a fabricar gelo e ficar num constante tapa buracos e jeitinhos para tentar mantê-la em pê o máximo que der.
  3. Derrubar a estrutura e fazer uma nova:  Criar uma nova estrutura adequada para as necessidades do ambiente.

Destas 3 opções, as duas primeiras tem o mesmo destino…. a destruição total.   Já a terceira, passa pela destruição, mas de forma planejada e pensada e termina com um modelo que permitirá a sobrevivência….

MAS, eis que ainda existe uma 4a opção…. totalmente ridícula, mas ainda assim é uma opção.

4 – Trocar de lugar os móveis.  Ou seja, esquecer que o iglu está derretendo e convencer todo mundo que o problema são os cômodos da casa, que a disposição e quantidade dos mesmos é o real problema… que a questão não é que a estrutura está ruindo… e sim que precisamos reorganizar os cômodos ou mudar de lugar os móveis para viver melhor!!!!

A proposta do MEC é isto!!!!  Apenas uma reestrutura dos conteúdos sem alterar a base em que os mesmos são ministrados!!!!

O atual modelo (iglu) está baseado em passar o máximo de conteúdo para os alunos (enchê-los de “conhecimento”), na decoreba e memorização, na repetição sem sentido de atividades, nas tarefas e temas individuais, em ser moldado a semelhança de todos, na regurgitação de fórmulas historicamente provadas, e na manutenção do status quo.

O que precisamos é de um novo modelo educacional!!!! Um modelo adaptado a um mundo completamente imprevisível, em constante mudança e globalizado. Um modelo não baseado em conteúdos, mas em competências a serem desenvolvidas.  Um modelo que prepare o aluno para a sobrevivência no século XXI e na sociedade digital.  Nesta proposta do MEC (que só troca os móveis de lugar) não existe foco em competências!!!!

Onde estão a Inovação, a Criatividade, o Sense Making, o Pensamento Adaptativo, a Inteligência Social, a Empatia, o Design Thinking, a Inteligência Transcultural, etc…

Parafraseando o Sir Ken Robinson: não precisamos de uma reforma educacional, mas de uma revolução educacional… não adianta reformar o iglu… precisamos mudar a estrutura radicalmente.

Embora a fusão de disciplinas possa ser de alguma forma benéfica, assim como mudar os móveis de lugar pode trazer um conforto.. a casa ainda está caindo e isso pouco ajuda.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 16/08/2012 in Humor, Interessante

 

Etiquetas: ,

 
Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.